existe sempre alguém ...passo e fico como o universo...
08
Abr 08
publicado por alemvirtual, às 18:24link do post | comentar

 

Não sei até que ponto se pode lutar quando este "bichinho" resolve vencer. Não sei quais as probabilidades de vencer ou ser vencido. Até porque já não quero saber das probabilidades para nada. Apenas sei que lhe devemos declarar "guerra". Lutar sempre, ainda que seja uma luta desigual.

 

Não pergunta de quem é a "casa". Não pergunta se pode entrar. Não pergunta se pode ficar. Parece-me que escolhe ao acaso sem olhar a nada nem a ninguém. Pode ser meu hóspede. Teu hóspede. Nosso hóspede.

Odeio-o.

 

Quem alojou este "diabinho" transmitiu-me a mensagem da não desistência. Da esperança. Da coragem. Do sorriso.

 

Não esqueçamos esta luta. Sobretudo por aqueles que não podem ser esquecidos; os nosso entes queridos, os nossos amigos, os nossos vizinhos, os nossos colegas de trabalho e aqueles que não conhecemos...

 

Há muitos nomes que lhe podemos chamar, mas se dissermos cancro, sentimos todos o mesmo calafrio...

 

Hoje, por mim, amanhã por ti...há dias que têm que ser assinalados...

 

 

Hoje, coloco de novo um rosto muito amado (como serão os outros filhos, os pais, os tios...) para que possam olhar os olhos de quem nunca os fechou na luta contra o cancro...até ao fim.

img164/4333/meiocorpofa3.jpg

 


mais sobre mim
Abril 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

16
17
18
19

20
22
24
25

27
29
30


pesquisar neste blog
 
blogs SAPO