existe sempre alguém ...passo e fico como o universo...
05
Mar 09
publicado por alemvirtual, às 10:57link do post | comentar

 

......

 

 

Sopra o vento, sopra o vento, 
Sopra alto o vento lá fora; 
Mas também meu pensamento 
Tem um vento que o devora. 
Há uma íntima intenção 
Que tumultua em meu ser 
E faz do meu coração 
O que um vento quer varrer; 

 

 

Não sei se há ramos deitados 
Abaixo no temporal, 
Se pés do chão levantados 
Num sopro onde tudo é igual. 

Dos ramos que ali caíram 
Sei só que há mágoas e dores 
Destinadas a não ser 
Mais que um desfolhar de flores.

Fernando Pessoa

 

 

O vento tem muitas vozes. Palavras leva-as o vento, ou diria eu, palavras que traz o vento...

 

São murmúrios, orações,

São sussurros e saudades,

Afagos, Recordações...

São gritos e angústias,

São lamentos e são ais.

São palavras de amor,

sopram ternura e alento,

São facas, ríspidas e frias

Vozes, palavras, momentos...

 

O vento suave, a brisa ligeira, o vento forte, a fúria da ventania são vozes, são ecos da alma . E quando ela se agita em remoínhos descontrolados, solta-se em brados de tempestade...

Para mergulhar, logo após, na acalmia desses urros...a voz, então é doce, melancólica, com timbre de amores.

 

E, hoje, a minh´alma dissonante com o vento, contrapõe suaves palavras a rugidos para lá da vidraça.


mais sobre mim
Março 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
13
14

15
17
18
19

22
23
24
26
27
28

29
30
31


pesquisar neste blog
 
blogs SAPO