existe sempre alguém ...passo e fico como o universo...
11
Mai 11
publicado por alemvirtual, às 21:43link do post | comentar

Já não me sinto "atleta". Deixei de me sentir "corredora".

Os treinos deixaram de fazer parte da rotina e as provas são, cada vez mais, esporádicas. 

 

Voltei para casa ao final da tarde. Frequentemente, encontro no caminho homens e mulheres que correm na berma da estrada. Devem ser jovens militares que, entre Tancos e Praia do Ribatejo, correm em pequenos grupos, ou isoladamente. Costumo abrandar o carro e ficar a olhar pelo retrovisor. Ao início, sorria-lhes. Sentia-me "companheira" do seu esforço, cúmplice do prazer que se adivinhava, em cada gota de suor.

Perdi a vontade de sorrir-lhes, porque perdi, não sei onde, a motivação para correr. Agora, o meu sorriso seria intruso num grupo de quem, pouco a pouco me, vou desligando.

 

Durante a semana, adio de segunda para terça, o treino projectado. Depois de terça para quarta... para quinta...para sexta...

A semana é preenchida com muitas "corridas" sempre em "contra-relógio". Quando ao entardecer, ultrapassados todos os "controles" (ou controlos, como preferirem), a "meta" se aproxima, sinto-me exausta. Exausta fisica e emocionalmente, sobretudo. Gastei as energias e sinto-me como, quando em dias quentes numa prova maior, tinha uma quebra de açúcar. Anseio pela paragem e pela "reposição" dos "valores" em quebra.

E assim, dia a dia, vou voltando costas ao prazer antecipado de calçar as sapatilhas e sair ao encontro da corrida.

 

Não tenho emoções de provas para partilhar, nem sínteses de treino para fazer. Mas tenho uma tristeza imensa por não correr. 

Vou esforçar-me por voltar a sentir legítimo o sorriso quando me cruzo com quem corre.

 

Continuo a "acompanhar" os meus amigos deste mundo da corrida, embora "espreite" discretamente...

 

Boas Corridas!


Paula, Paula, Paula! E tu achas isso bem?

Não deixes, minha amiga, sabes o bom que é, o bem que faz, não permitas que esse afastamento.

Eu sei que há fases... que nem sempre as condições e circunstâncias convidam a correr, bem pelo contrário, mas tu sabes! Já a conheces, já viveste com ela, conheces-lhe o sabor.

Toma-o de novo se faz favor!

Um grande beijinho
Ana
Ana Pereira a 11 de Maio de 2011 às 22:33

Amiga...
Vc ama correr assim como eu, mas infelizmente as vezes temos esses altos e baixos... fiquei assim por bastante tempo e agora estou mais animada.

Se tens amigos que pode correr com vc aproveita.. isso te motivará a correr. Mas sem vontade, vença o psicológico e vá..

Tenho certeza que não se arrependerá!

bjs brasileiros
Jacke
Jacke Gense a 12 de Maio de 2011 às 00:36

Paula, Paula, Paula
(para fazer coro com a Ana!)
Então?!! O seu sorriso para quem corre é sempre legítimo, pois conhece bem o prazer de correr.
E se é o "correr" de um lado para o outro nas "corridas" do dia a dia que lhe retiram a vontade de calçar as sapatilhas, é preciso contrariar essa vontade.
Como diz a anedota : se o corpo pede vinho, dá-se-lhe vinho para não o contrariar. Se pede água, dá-se-lhe vinho porque não se pode andar sempre a fazer-lhe a vontade !!!
Assim é em relação à Corrida, Paula.
Mesmo sem apetecer, corra um bocadinho e vai ver que fica aliviada e quando sorrir para o magala, sinta-se de "consciência tranquila",eheh.
Grande beijinho
Fernando Andrade a 12 de Maio de 2011 às 14:10

Olá Paula
Embora não a conhecendo em privado, só a vi uma vez pessoalmente,no almoço blogger permita-me enviar um incentivo, para continuar a correr.

Nisto das corridas já começo a ter alguma experiência de por vezes estarmos em baixo(desmotivados) e não nos apetecer nada correr, mas são fases, mais tarde volta a vontade de correr.
Espero que isso lhe aconteça
Um bj
J.Lopes
josé lopes a 12 de Maio de 2011 às 21:10

Dear Paula,
I think you should not force yourself to running if you do not feel desire to run . Running should be a joy and not an obligation . It is better to have a longer break from it , if your body or soul or heart feels this way . Sooner or later , the need to run will return ...
Beijinhos :-)
Ana G. a 13 de Maio de 2011 às 01:51

Olá Ana

Outra 'corrida' apareceu na sua vida e esta, o de correr, ficou para trás.

Abriu-se um novo motivo de interesse e este, o de correr, já não a 'motiva'.

Outros 'rostos' apareceram e estes, os da corrida, 'esfumaram-se' (por enquanto).

Espero que a partir de 5 de junho tornemos a ter a Ana de volta ao nosso convívio.

Até lá... Boa Sorte!
mario lima a 23 de Maio de 2011 às 03:47

Olá Mário,

Não, não são esses "rostos" que me tiram a motivação para correr.-)))))

Até já treinei na sexta-feira! :-)

Tenho de lutar é contra a minha inércia e falta de motivação, mas tem a ver com outros motivos.


Continuo a querer este "mundo da corrida"...

Obrigada por não se esquecerem de mim

beijinhos e boas provas
alemvirtual a 23 de Maio de 2011 às 12:46

mais sobre mim
Maio 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
24
26
27
28

30
31


pesquisar neste blog
 
blogs SAPO