existe sempre alguém ...passo e fico como o universo...
01
Fev 07
publicado por alemvirtual, às 17:58link do post | comentar

Ontem, recebi a minha primeira revista “Atletismo”.
Ontem voltei a ser criança! “É para mim?” - não parava de repetir e perguntar o que era óbvio, visto ser o meu nome que constava no endereço. Saltei de alegria com a revista na mão! Tinha uma revista de atletismo. Estou habituada a receber revistas temáticas de cariz profissional, do sindicato, da autarquia ..., mas nenhuma relacionada com a minha recente paixão: correr. Receber como prenda uma assinatura da “Atletismo” foi uma verdadeira surpresa.
Senti-me importante, qual criança que, às escondidas, calça os sapatos de salto alto da mãe e se sente uma mulher.

À semelhança dos pequenitos que, orgulhosamente, exibem o seu novo brinquedo e a todos o mostram, também eu quis partilhar com quem possa ler estas linhas, a alegria infantil, sentida ao receber a minha “Atletismo”.

Canção Inocente

Menino: queres ser meu mestre?
- Contigo teria tanto que aprender!

A ser casto, sem querer;
a ser bom, sem o saber;
a ser alegre, sem ter
motivos para o ser.

Menino: queres ser meu mestre?
- Deixa o teu arco aí. Vem-me ensinar
a sorrir e a confiar;
a ter esperança e a perdoar;
a esquecer e a chorar...

Menino, que brincas no jardim:
- Tu sim,
podias ser um mestre para mim!

(José Carlos Queirós Nunes Ribeiro, poeta português, Sec. XX)

A. P.


tags:

mais sobre mim
Abril 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


pesquisar neste blog
 
blogs SAPO