existe sempre alguém ...passo e fico como o universo...
24
Fev 09
publicado por alemvirtual, às 16:39link do post | comentar | ver comentários (9)

 

HINO AO SOL

 

 

 ... Oh!, disco solar que com teu brilho ofuscante pulsas como um coração e minha vontade parece tua. Oh!, disco de fogo que me iluminas e teu brilho e a tua sabedoria são superiores à do Sol."

 

Extraído do livro Nefertiti e os mistérios sagrados do Egipto

 

 

 

 

 

Apaixonada pelo Antigo Egipto e, particularmente,  por Akenaton  (Amenófis IV) e Nefertiti, pela sua história de amor e pela "ousadia" de adorar um só deus (Deus?), apaixonada por esta intrincada história de dois seres e sobretudo apaixonada pelo Sol, pela sua luz, pela sua Vida, tal como a minha filhota o era (recordo-me daqueles 4 ou 5 metros de corredor envidraçado em que a sua cama de rodinhas percorria a distância até à sala de radioterapia, do seu profundo suspiro de satisfação e do murmúrio: "Ah, o sol! Srª Enfermeira, mais devagar ..."), assim, também, sou eu.

 

 

 

 

Com que misto de dor e prazer, saio de casa, semicerro os olhos perante a luminosidade intensa e corro. Corro com lágrimas e sorrisos. Com cansaços e repousos. Com desânimo e coragem. Assim, também, sou eu. E sou-o com este sol que é meu; com esta vontade que me foi dada; e com a minha "estrelinha azul" a guiar os meus passos.

 

Como odeio cada vez mais os vãos lamentos. Com que agrura perguntaria: "porque vos lamentais?" . Da vida nada sabeis. Nem da morte.

 

Ligo o cronómetro e lanço um olhar pela estrada à minha frente. Sem carro, saio em passo de corrida na "montra" que é a minha rua. O destino é o Parque do Bonito.

Encontro outros corredores. Afinal, sempre existem corredores no Entroncamento. Vou descobrindo-os. Corro com a música do canto dos pássaros e as águas que se agitam no ribeiro. Corro com o eucalipto e o fresco dos pinheiros. Corro com o azul do céu e o verde da erva. Com os patos e o pó da estrada.  E com um alegre "Bom dia, companheira" que alguém me grita. Corro sozinha, mas nunca me sinto só.

 

Recomeçar não é fácil. Quem disse que o era? Dizer sim, dizer não. Hesitar, renunciar. Querer, não querer. Tudo faz parte da vida. E de mim.

 

Já conto com dois treinos para as 3 Léguas do Nabão. Não vai ser "pêra doce". Mas é assim que gosto.

 

Dia 21 Fevereiro - 48 min - 8,11Km

Dia 24 Fevereiro - 44 min - 7,74 Km

 

 

 

 


mais sobre mim
Fevereiro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
26
27


pesquisar neste blog
 
subscrever feeds
blogs SAPO