existe sempre alguém ...passo e fico como o universo...
21
Jun 09
publicado por alemvirtual, às 21:18link do post

Que se pode dizer quando se corre na nossa terra? Que é uma experiência inesquecível?Que é uma experiência arrasadora? Não sei como definir. Terá sido do dia de convívio com os amigos, ou do sol abrasador? Ou ambas as coisas...corrida, amigos, alegria; ingredientes mais que suficientes para registar o dia 21 de Junho como uma "tórrida" recordação...daquelas que deixam marca, não a ferro e fogo, mas apenas a fogo, na alma e no corpo. A alma não esquece o elo de amizade que liga o Clube do Sargento da Armada. O corpo exala ainda o calor do sol, impiedoso até para os filhos da terra!

 

É diferente correr nas ruas minhas conhecidas. Dizer :"Esta é a rua onde moro. Esta é a minha casa". Assim, como quem diz: "Eu também sou esta pessoa. Para além do virtual, sou eu que existo e este é um pouco do meu mundo".

 

Com muita alegria franqueei as portas do meu mundo aos amigos. Existiam poucas portas por abrir e, hoje, talvez tenha aberto a última. A desconhecida. A que faltava. A que me liga a um passado que, em breve, será de novo presente. Para trás irão ficar os treinos no Parque da Paz, ou na areia dourada da Costa. Ficarão muitos, e muitos dias de luta contra o sentimento de me sentir estrangeira numa terra que não era minha. Anos de sonhos e duras realidades. Momentos dolorosos dos últimos momentos da minha filha. Para trás ficará um mundo de recordações...Não. Não ficará para trás. Onde quer que vá, as memórias irão comigo.

Voltar implica partir. Aprendi a amar o Tejo, mais largo que o Tejo da minha infância. Saudar Lisboa e sentir-me viva no bulício da cidade. Deitar-me, olhando o Cristo-Rei luminoso.

 

 

Demorei 1h 1 min e 46 segundos a percorrer os 10 Km da prova.

 

As fotos são da Adelaide, a "chefinha", enviadas pela Ana.

 

Eu (377), a Isabelinha (de chapéu), o marido da Isabelinha (384), o Fernando (382) e a Ana (375)

Pacheco, Eu, Isabelinha, António, Maggui, Henrique, Ana e Fernando

As mulheres do grupo, incluindo a Chefinha Adelaide

 Isabelinha, Eu, Maggui, Joaquim e Marques

Eu o o chefe Fernando

À chegada com o António

Eu e a Ana depois de passar a Meta

 

 

Estafadas ao máximo....

 

 

 


De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

mais sobre mim
Junho 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

22
23
24
25
27

28
29
30


pesquisar neste blog
 
subscrever feeds
blogs SAPO